Criminoso se deu mal no Entorno

O Grupo Especial de Repressão a Narcóticos (Genarc) de Águas Lindas realizou procedimento em desfavor de um menor por ato infracional análogo a extorsão e receptação no final da tarde de quarta-feira (13). O adolescente, de 16 anos, ligou para a vítima de um roubo de veículo e ameaçou-lhe a vida, afirmando, ainda, que desapareceria com o veículo roubado.

Por volta das 17 horas, o grupo especializado de policiais civis recebeu informação segundo a qual a vítima de roubo passou a receber, após a subtração forçada de seu veículo, passou a receber ligações telefônicas de um indivíduo, que exigia R$ 500 para realizar a devolução do automotor. Caso não fosse feito o pagamento, o indivíduo realizou as ameaças.
Diante então da situação, os investigadores Genarc desencadearam uma rápida operação para amparar e proteger a vítima, além de impedir que novo crime fosse praticado, bem como para recuperar o bem subtraído. Um dos policiais assumiu o comando da negociação com o interlocutor e marcou um encontro como se a fosse a vítima, combinando com o interlocutor de se encontrarem em frente a um colégio no bairro Jardim Barragem V.

Chegado o momento, a equipe abordou um menor de 16 anos, responsável pela receptação do veículo e pela extorsão. Posteriormente, o menor levou a equipe até o local onde o veículo estava escondido, no mesmo bairro onde o encontro fora marcado. Chegando ao local, os policiais verificaram que o veículo da vítima estava escondido.

Já na sede do Genarc, a vítima não reconheceu o menor como um dos autores do roubo. Em desfavor do jovem foi lavrado Boletim de Ocorrência Circunstanciado (BOC) por ato infracional análogo a receptação e de extorsão na Central de Flagrantes de Águas Lindas de Goiás. – ASCON da PCGO

Pular para a barra de ferramentas