Câmara faz homenagem ao Dia Nacional da Consciência Negra

A Câmara dos Deputados celebra o Dia Nacional da Consciência Negra, nesta semana, com eventos que promovem uma reflexão sobre a situação do negro no País. A programação tem início nesta segunda-feira, às 11 horas, com uma sessão solene no Plenário Ulysses Guimarães, e prossegue durante a semana com o lançamento de publicações e a realização de palestra.

O Dia Nacional da Consciência Negra é celebrado hoje. A data foi escolhida por ter sido nesse dia, em 1695, que morreu Zumbi dos Palmares, líder do Quilombo dos Palmares e um dos principais nomes da resistência negra na luta contra a escravidão.

A sessão solene que abre a programação alusiva à data terá transmissão ao vivo pela TV Câmara e também poderá ser acompanhada pela internet. A homenagem foi requerida pelos deputados Erika Kokay (PT-DF), Damião Feliciano (PDT-PB) e Hiran Gonçalves (PP-RR).

Publicações
Na terça-feira (21), às 9 horas, no auditório Nereu Ramos, haverá o lançamento do relatório “A Verdade sobre a Escravidão Negra no Distrito Federal e Entorno”. O evento é organizado pela Comissão da Verdade sobre a Escravidão Negra no Distrito Federal e Entorno e pelo Sindicato dos Bancários de Brasília.

Já na quinta-feira (23), às 10h30, no Salão Nobre, o Programa Pró-Equidade de Gênero e Raça e a Edições Câmara lançam o livro “Repertório Bibliográfico sobre a Condição do Negro no Brasil”. A obra reúne uma bibliografia abrangente e diversificada de textos que informam, debatem, analisam, refletem e denunciam a condição do negro ao longo da história do Brasil, da colonização até os dias atuais.

O evento de quinta contará ainda com a palestra Outros Olhares sobre o Brasil, de Joseanes Lima dos Santos, representante do movimento Frente de Mulheres Negras do Distrito Federal e Entorno.

D

Pular para a barra de ferramentas